Agenda Cultural de Guarulhos

Atrações culturais para o final de semana

 

Toda quinta, sexta e sábado

 

Feira de Artesanato

Rua Felício Marcondes – Centro

A Feira de Artesanato reúne neste local, semanalmente, 40 artesãos expositores com suas peças decorativas e utilitárias, confeccionadas em diversas técnicas artesanais. Na foto em destaque, peças em crochê: tecido rendado executado à mão com uma agulha provida de um gancho na extremidade. Artesã: Etelvina Santos de Jesus. 9h às 17h, exceto feriados.

 

4 a 15

 

Semana de Artes – FIG / UNIMESP

Centro Municipal de Educação Adamastor

Exposição de trabalhos dos alunos da FIG / UNIMESP dos cursos de Arte, Design e da Faculdade para a Idade da Razão. Na exposição, o visitante terá a oportunidade de apreciar desenhos, pinturas, fotografias e performances, além de palestra no dia 5, sexta, às 19h30, e oficina no dia 6, sábado, às 14h. ATENÇÃO: abertura dia 4, quinta, às 19h30. Entrada franca. Av. Monteiro Lobato, 734, Macedo. Diariamente, das 9h às 22h, exceto feriados.

 

Até 6 de novembro

 

10º Salão de Artes Visuais de Guarulhos / Arte Moderna e Contemporânea

Centro Municipal de Educação Adamastor

O Salão de Artes Visuais de Guarulhos, consolida-se a cada ano não só como espaço para divulgação de artistas plásticos contemporâneos, mas também por facilitar o acesso a discussão e reflexão sobre o fazer artístico. De alcance nacional, é reconhecido pelo seu caráter de difusão e fomento às Artes Visuais. Nesta edição apresentou uma série de palestras com Fernando Oliva, Leandro Roman e Egydio Colombo Filho, os quais compuseram o júri técnico deste ano. Os visitantes poderão votar em suas obras preferidas, por meio de uma urna no local ou pelo site http://www.guarulhos.sp.gov.br, link 10º salão, até o dia 4 de novembro. ATENÇÃO: encerramento e premiação no dia 6 de novembro, sábado, às 19h, com apresentação musical do grupo Dueto Urbano. Entrada franca. Av. Monteiro Lobato, 734, Macedo. Diariamente, das 9h às 22h, exceto feriados.

 Corpos Que Falam, de Leandro Duarte

Biblioteca Monteiro Lobato

O arquiteto e artista plástico Leandro Duarte apresenta a exposição Corpos Que Falam, onde mostra 15 telas de pintura em técnica mista. As obras, em estilo surrealista, têm o corpo humano como protagonista e sua relação com o meio através de gestos, movimentos e elementos geométricos. Entrada franca. Rua João Gonçalves, 439, Centro. De segunda a sexta, das 9h às 18h, e sábados, das 9h às 14h, exceto feriados.

 

Até 14 de novembro

 

Intervenções, de Claudinei M.

Centro Permanente de Exposições de Arte “Prof. José Ismael”

A poética se dá através de duas vertentes, onde meio ambiente e tecnologia se misturam criando composições surreais. Esses trabalhos se dividem em diversas linguagens como pintura, desenho, objeto, instalação e fotografia. Entrada franca. Praça Cícero Miranda, s/nº, Lago dos Patos, Vila Galvão. De quarta a domingo, das 8h às 12h e das 14h às 17h, exceto feriados.

 

5 / sexta

 

Léo Maia

Teatro Adamastor do Centro

O Sopro do Dragão “é o encontro de sons que criei ao longo dos três álbuns” dessa forma, Léo Maia resume o novo CD, que chega voltado para as raízes, onde o cantor e compositor une samba soul e gafieira impregnados de alma Black Music. O amor nas músicas de Léo é abordado de forma direta sem muito blá, blá, blá. Em suas canções, Léo embala os casais apaixonados daquele jeito mansinho e sedutor. Ingressos à venda na bilheteria do teatro, a partir do dia 3 de novembro, das 15h às 19h – R$ 40 (inteira), R$ 30 (antecipada) e R$ 20 (meia). Av. Monteiro Lobato, 734, Macedo. 21h.

 

5, 6 e 7 / sexta, sábado e domingo

 

A Rosa do Luto – Grupo Expressão de Vida

Teatro Nelson Rodrigues

Porque muitos gostariam de ter uma segunda chance. Nesse musical a personagem Natália perde seu pai em um acidente de avião. Após esse episódio ela se entrega ao mundo das drogas, tem alucinações e terá que provar que o rapaz que sempre lhe traz rosas não é fruto de sua imaginação. São fortes emoções em a “A Rosa do Luto”. Duração: 90 minutos. Indicação: 14 anos. Ingressos à venda na bilheteria do teatro, uma hora antes do início do espetáculo – R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Rua dos Coqueiros, 74, Lago dos Patos, Vila Galvão. Sexta e sábado, às 20h, e domingo, às 19h.

 

6 / sábado

 

Esconde-Esconde-Rijos, Exposição de Esculturas em Papel Machê

Espaço Quintal Sinpro-Brancaleone

Através da ludicidade do papel machê, Ivana Kloster percorre os seus esconderijos secretos na visão ingênua de suas meninas. Com performance visual de Thinello-Cabello e participação especial da Cia. Brancaleone de Teatro. Para saber mais sobre o trabalho de Ivana Kloster é só consultar o http://www.flickr.com/photos/ivana_kloster. Mais informações no www.ciabrancaleone.blogspot.com. Rua Maria Lucinda, 45, Vila Zanardi. 20h.

 Mostra de Dança e Teatro Night Cristo

Teatro Nelson Rodrigues

A Mostra de Dança e Teatro Night Cristo, da Paróquia Santa Teresinha, é um evento voltado para a juventude e com a participação de vários grupos de dança e teatro. Duração: 180 minutos. Indicação: livre. Troque um ingresso por 1 quilo de alimento não-perecível (exceto sal e açúcar), que será doado ao Asilo São Vicente de Paulo e Pastoral dos Vicentinos da Igreja Santa Teresinha. Rua dos Coqueiros, 74, Lago dos Patos, Vila Galvão. 15h.

Ballet Coppélia – Centro de Dança Yara Ciconi

Teatro Padre Bento

Doutor Coppélios é um criador de bonecos que tem como sua criação preferida uma linda boneca chamada Coppélia que enfeita sua janela. Franz, jovem noivo de Iwanilda, encanta-se pela boneca da sacada, pensando ser ela uma linda jovem. Muito enciumada, Iwanilda e suas amigas entram na casa do Dr. Coppélios para descobrir quem é a jovem da janela. Indicação: livre. Retirar um ingresso na bilheteria do teatro, meia hora antes do início do espetáculo. Rua Francisco Foot, 3, Gopoúva. 20h.

 Jogo de Jogar Improvisação: Clown Pro Riso / Los Xerebas – Improviso Livre de Guarulhos

Auditório 4 do Centro Municipal de Educação Adamastor

Um espetáculo totalmente improvisado por palhaços, criado em parceria com a platéia que sugere temas, situações e que além disso pode participar do espetáculo participando das cenas. Nessa temporada, o grupo apresenta um repertório de novos jogos teatrais que os levará a situações nunca antes apresentadas ao publico. Grupo pioneiro na utilização da improvisação na cidade, um dos vencedores do festival do E.T.C. 2010 – Encontro de Teatro da Cidade, o grupo comemora dois anos de existência com essa temporada. Duração: 90 minutos. Indicação: livre. Ingressos à venda na bilheteria do teatro, uma hora antes do início do espetáculo – R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia, incluindo os portadores da Carteira do Ator emitida pela Secretaria de Cultura). Mais informações pelo telefone 6672-8773. Av. Monteiro Lobato, 734, Macedo. 18h.

 Dannilu

Teatro Adamastor do Centro

Dono de uma voz inesquecível e de um gosto musical bastante requintado, o contratenor Dannilu apresenta no Teatro Adamastor o show “Do meu jeito”, com um repertório eclético e surpreendente que traz desde clássicos da mpb, árias de óperas, além de “La Luna” e “A question of honour”, de Sarah Brightman, “O Pastor”, de Madredeus, “Wuthering Heights”, de Kate Bush, entre outras interpretações, onde a impostação lírica e a utilização de técnica perfeita imperam e são exploradas atingindo a máxima de todo seu recurso vocal. Dannilu reúne toda essência do erudito e o pop com a competência que só os grandes têm! Ingressos à venda na bilheteria do teatro, uma hora antes do início do espetáculo – R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Mais informações pelo telefone 4667-1534. Av. Monteiro Lobato, 734, Macedo. 20h.

33 (Brasil, 2004)

Cineclube do Centro Municipal de Educação Adamastor

Devido ao cancelamento deste filme no mês de outubro (ciclo documentário), o cineclube exibirá o mesmo no primeiro sábado de novembro. Kiko Goifman é filho adotivo e, no ano em que completou 33 anos, decidiu procurar sua mãe biológica. A partir de pistas dadas por detetives de São Paulo e Belo Horizonte, o cineasta parte nessa jornada, documentando com humor e ironia todo seu trajeto em um diário on-line que foi transformado em material para seu filme. Gênero: Documentário. Duração: 74 minutos. Direção: Kiko Goifman. Entrada franca. Av. Monteiro Lobato, 734, Macedo. 16h.

Big Band Prata da Casa

Tenda do Bosque Maia

Grupo do Conservatório Municipal que tem como proposta o estudo e desenvolvimento da linguagem da música popular instrumental, através da prática em grupo. No repertório jazz, blues, samba, baião, além de temas de filmes. Arranjos e regência: professor Marcelo Mendonça. Entrada Franca. Av. Paulo Faccini, s/nº, Jd. Maia, Centro. 15h30.

 

7 / domingo

 

As Aventuras de Peter Pan e Pinóquio – Cia. Kiko Jaess

Teatro Padre Bento

O espetáculo traz todos os heróis dos sonhos (Peter Pan, Pinóquio , Bela Adormecida, Branca de Neve, Tarzan e a Bruxa), juntos travam um plano para salvar a natureza da destruição. É uma lição de amor entre os personagens e que fala sobre lições de ecologia de maneira inteligente e divertida. Indicação: 3 anos. Ingressos à venda na bilheteria do teatro, meia hora antes do início do espetáculo – R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). Rua Francisco Foot, 3, Gopoúva. 16h.

 Show com a Banda “Cine Flórida”

Casa dos Cordéis

O Cine Flórida volta a tocar na cidade em um evento único. Às vésperas do lançamento de seu novo EP, o trio de rock independente se apresenta na Casa dos Cordéis em meio a uma divertida festa de fantasia. A DJ Natchê Diniz completará a mistura com seu “setlist” especialmente preparado para a ocasião. A entrada para o show custa R$ 5 (preço único) e o tema é livre. Para saber mais sobre a banda é só acessar o www.cineflorida.net ou o http://www.myspace.com/cineflorida. Mais informações pelo telefone 2229- 0580, das 13h às 19h, ou no http://www.boscomaciel.com.br. Entrada franca. Av. Torres Tibagy, 90, Gopoúva. 16h.

Chapeuzinho Vermelho – Grupo Teatral 5ª Maravilha

Teatro Nelson Rodrigues

Interessada nas framboesas maduras, borboletas azuis e nas vantagens que o lobo mau lhe oferece, Chapeuzinho Vermelho desobedeceu às ordens de sua mãe, Dona Chapelão Vermelho. Acabou se dando mal e colocando sua avó em perigo. Indicação: livre. Ingressos à venda na bilheteria do teatro, uma hora antes do início do espetáculo – R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Rua dos Coqueiros, 74, Lago dos Patos, Vila Galvão. 16h.

 Resistência 68: Vozes da Luta – Cia. Barca Cênica

Teatro Adamastor Pimentas

Lembrar é resistir. O projeto Resistência 68, com o espetáculo Vozes da Luta, propõe uma reflexão sobre as restrições das liberdades ocorridas no Brasil e no mundo em 1968. Augusto, exilado em 1975, depois de mais de 10 anos longe do Brasil, ao receber uma notícia inesperada, se depara com a possibilidade de rever pessoas e lugares que o farão reviver um passado de lutas políticas e perdas pessoais que ele quer esquecer. Direção: Thâmara Sepúlveda. Duração: 50 minutos. Indicação: 14 anos. Troque um ingresso por 1 produto de limpeza ou higiene pessoal, que será doado a Casa de Convivência, meia hora antes do início do espetáculo. Mais informações no http://www.ciabarcacenica.blogspot.com. Estrada Caminho Velho, 333, Pimentas. 20h.

 Cidades Invisíveis – Cia. Teatro dos Orelhas e Grupo Teatro da Chuva

Teatro Adamastor do Centro

O projeto As Cidades Invisíveis, financiado pelo FunCultura – Fundo Municipal de Cultura, foi idealizado pela Cia. Teatro dos Orelhas e pelo Teatro da Chuva em parceria com a Universidade Federal de São Paulo – Unifesp. A partir de vivências na linguagem cênica, jovens moradores dos bairros Pimentas e Bonsucesso criaram um espetáculo baseado nas cidades invisíveis do escritor italiano Ítalo Calvino. Com narrativas gestuais, o imperador Kublai Khan tentará descobrir seu próprio império. Coordenação artístico-pedagógica: Luciano Gentile. Dança-teatro. Duração: 40 minutos. Indicação: livre. Retirar um ingresso na bilheteria do teatro, uma hora antes do início do espetáculo. Av. Monteiro Lobato, 734, Macedo. 19h.

 

10 / quarta

 

Cordas, Pra Que Te Quero? – Grupo do Conservatório Municipal

Anfiteatro Pedro Gonçalves Dias da Biblioteca Monteiro Lobato

O grupo promete uma apresentação descontraída na qual alunos e pessoas da comunidade se encontram para um agradável momento musical. Noprograma, obras que vão do erudito ao popular. Coordenação: professor Victor Castellano. Entrada franca. Rua João Gonçalves, 439, Centro. 20h.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: