Pesquisas eleitorais apontam para continuidade

Falta de identificação com os candidatos e campanhas mal estruturadas contribuem para fortalecer dinastia do Partido dos Trabalhadores em Guarulhos

@brunosdr3

O dia das eleições para prefeito está próximo, faltam um pouco mais de um mês. Segundo as pesquisas de opiniões divulgadas nos meios de comunicação locais, não surge nada de mudança, Sebastião Almeida (PT) deve conseguir a reeleição, seguido na corrida por Carlos Roberto (PSDB), Alan Neto (DEM), Wagner Freitas (PP), Jovino Cândido (PV), Joel Paradella (PSTU) e Ederaldo Batista (PSOL).

A surpresa, talvez maior para os tucanos, é a perda de pontos de Carlos Roberto, o nome do candidato não emplaca na política guarulhense. A boa pontuação de Alan Neto, nas pesquisas, demonstra que os votos conseguidos por Carlos Roberto nas eleições anteriores, eram mais uma opção de oposição ao PT do que confiança no tucano.

Quanto ao Jovino Cândido, no passado visto como candidato forte, mostra que sua vida política está enterrada, não consegue convencer com suas críticas ao governo atual, falando sobre seus feitos quando prefeito. Já Wagner Freitas conseguirá apenas a mesma votação que teve quando conseguiu a vereança.

Quanto aos candidatos de esquerda, o PSOL e o PSTU seguem com os mesmos votos dos seguidores de carteirinha dos partidos, fenômeno seguido também em âmbito nacional. O discurso da esquerda não é entendido na maioria das camadas eleitorais. Seja nas classes com alto poder aquisitivo onde ronda o medo de perder seus bens, ou na classe trabalhadora que o medo do caos é compartilhado com qualquer campanha panfletária com informações sensacionalistas.

Nesses últimos dias de campanha, já tem pesquisa de opinião apontando para a vitória do PT, ainda, no primeiro turno. O eleitor deve escolher pela continuidade, uma por não ter outro candidato que se identifique. A tentativa de mostrar um Carlos Roberto mais popular não surtiu efeito, enquanto Alan Neto parece ser um nome forte para concorrer com mais força nas próximas eleições. A esquerda não trouxe nenhum nome de expressão para um eleitorado acostumado a votar em rostos conhecidos e em apadrinhados, as ideologias ficam para segundo plano. Segundo as pesquisas de opinião, em Guarulhos, tudo fica como está.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: